Nome da
CIBERTEOLOGIA

ISSN: 1809-2888
Normas de publicação

1. Os originais devem ser gravados em Word ou no formato .rtf, em fonte Times New Roman tamanho 12 (rodapé tamanho 10), com entrelinhamento 2, e enviados para: Redação da Revista Ciberteologia como anexo no seguinte endereço eletrônico: ciberteologia@paulinas.com.br.

2. O artigo deve conter título, em maiúsculo e negrito; nome do autor abaixo do título e com nota de rodapé contendo a apresentação do autor (titulação, principal atividade, endereço eletrônico). Em seguida, em português e inglês, deve constar um resumo de 10 linhas, seguido de 5 palavras-chave para indexação.

3. Além da Introdução e das Considerações finais, o artigo deve conter alguma subdivisão, que pode ser numerada ou não.

4. As citações, quando ultrapassarem 4 linhas, devem vir destacadas com entrelinhamento 1,5 e sem aspas.

5. As referências em nota de rodapé seguirão o seguinte padrão:
– para livro: J. D. CROSSAN, O nascimento do cristianismo, pp. 179-193.
– para artigo de periódico: A. MARCHIONNI, Beatriz, figura da teologia no Paraíso de Dante. In: Religião & Cultura, pp. 89-107.

6. As referências bibliográficas devem conter apenas o que foi mencionado no corpo do trabalho. Serão dispostas como segue:
– livros: HAIGHT, R. Jesus, símbolo de Deus. São Paulo: Paulinas, 2003.
– artigos: JOHN O., Ciber-ética: novos desafios ou velhos problemas? In: Concilium, 309 (2005): 13-27.

7. Qualquer palavra a ser destacada no corpo do texto aparecerá em itálico. As aspas serão reservadas somente para sentido irônico ou pejorativo.

8. Para resenhas, recomenda-se um máximo de 4 páginas, em Times New Roman tamanho 12, com entrelinhamento de 1,5. No cabeçalho deve constar a citação completa da obra resenhada. No final, nome do resenhador.

9. Em arquivo separado, o autor incluirá breve currículo: formação acadêmica, atividade profissional, principais publicações, endereço completo, telefone e endereço eletrônico. A Secretaria de Redação notificará os autores após a recepção dos trabalhos enviados.

10. Os artigos serão examinados por dois pareceristas externos à Equipe de Redação.

11. A aceitação ou recusa dos originais, com a consequente notificação aos autores, cabe à decisão da Redação.

12. O envio dos originais à Redação será considerado como autorização do autor para a publicação de seus textos.